Sermão: Solos para raízes fortes

SOLOS PARA RAÍZES FORTES

“Portanto, assim como vocês receberam Cristo Jesus, o Senhor, continuem a viver nele, enraizados e edificados nele, firmados na fé, como foram ensinados, transbordando de gratidão.” (Colossenses 2.6-7)

Mt 13:8: “Outra, enfim, caiu em boa terra e deu fruto: a cem, a sessenta e a trinta por um.” Mt 13:23”: “Mas o que foi semeado em boa terra é o que ouve a palavra e a compreende; este frutifica e produz a cem, a sessenta e a trinta por um.”

INTRODUÇÃO

Ao falar por parábolas Jesus faz referencia a boa terra. A boa terra é um solo que tem nutrientes, é um lugar onde tudo que se planta floresce e mais tarde da colheita. A boa terra é o lugar certo para que sementes cresçam com raízes fortes.

O solo traz nutrientes para que raízes cresçam e se desenvolvam gerando frutos que permaneçam. Diferentes solos possuem nutrientes necessários para cada estação. Por isso, vamos falar sobre três tipos de solos. Cada um de nós se identificará com esses solos. São eles que fazem com que a nossa vida se torne enraizada de forma saudável.

1º SOLO – O solo da INTIMIDADE

“Aquele que habita no abrigo do Altíssimo e descansa à sombra do Todo Poderoso pode dizer ao Senhor: Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio.” (Salmo 91.1-2)

É no secreto que Deus nos encontra e desenvolve nosso sistema de raízes, os elementos fundamentais para frutos que durem. (Banning Liebscher – ENRAIZADO)

Duas coisas acontecem quando nos aproximamos de Deus INTENCIONALMENTE em oração: o amor se torna a motivação em nossas vidas e Deus nos mostra a história que Ele está revelando na Terra e nos unge para nosso papel em Seu plano.

Deus não escuta apenas as orações públicas. Veja o que Jesus recomenda: “Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará.” (Mateus 6.6)

Deus reserva algumas coisas para serem encontradas apenas no secreto. Se quiser recebê-las deverá retirar-se para esse lugar íntimo de oração. O Solo da Intimidade é onde Deus nos entregará estratégias, ungindo-nos para questões específicas na nossa geração.

Para Davi, o solo da intimidade foi o campo, para João Batista foi o deserto. E para você? A Bíblia diz: Fico acordado nas vigílias da noite, para meditar nas tuas promessas.” (Salmo 119.148)

ORE – gere as palavras através da oração; a palavra precisa se tornar o combustível para sua vida de oração. Ore pelo que Deus já disse! Use as palavras sobre o que Deus já disse sobre você, suas finanças, seu futuro, filhos, nação.

MUDE A FORMA DE FALAR – muitas vezes dizemos coisas que Deus não está dizendo! Quando o Senhor fala, não temos mais permissão para dizer nada que não seja o que Ele falou!
TORNE A PALAVRA PRIMORDIAL – fale sobre ela, espere por ela (compare com a gestação). Quando uma mãe descobre que está grávida, não vai esperar até o sexto mês para falar sobre o assunto, a gestação é o assunto em todos os momentos.

PREPARE-SE PARA A PALAVRA – se foi dito por Deus, vai acontecer! O que você precisa fazer? Um curso de idiomas, faculdade, exercícios, procure ser a pessoa que precisa ser para exercer o que vai fazer e divirta-se no processo!

É uma honra arregaçar as mangas para estar pronto. Isso pode levar 9 meses e o bebê nascer, ou 20 anos. Curta o processo enquanto aprende e erra na jornada.

A diferença entre homens e mulheres de Deus que impactaram o mundo e os que não impactaram, é que aqueles que impactaram não tem medo de falhar por Deus. (Banning Liebscher – ENRAIZADO)

2º SOLO – O solo do SERVIÇO

“Quem dentre todos os teus oficiais é tão leal quanto Davi, o genro do rei, capitão de sua guarda pessoal e altamente respeitado em sua casa?” (1º Samuel 22.14)

Jesus sempre casou os conceitos de grandeza, liderança e realeza com os conceitos de humildade, amor e serviço. Ele fez isso com Davi, e faz com você! A forma como Jesus servia as pessoas deve ter chocado seus discípulos. Muitas vezes eles viram o Messias prometido, Rei de Israel, o libertador, servindo a pessoas que nenhum judeu se atreveria a chegar perto. Uma samaritana, um cobrador de impostos, leprosos, prostitutas, estrangeiros, soldados romanos e pedintes.

O solo do serviço traz saúde às suas raízes. Você transitará por ambientes, situações, circunstâncias, bairros, cidades e nações diferentes. Em todo momento, disponha-se a servir em posições não vistas e em grande visibilidade.

Que seu coração permaneça como o de Cristo, vendo o esquecido e influenciando Reis. Sobre  o exemplo de Jesus, a Bíblia diz: “Quando terminou de lavar-lhes os pés, Jesus tornou a vestir sua capa e voltou ao seu lugar. Então lhes perguntou: Vocês entendem o que lhes fiz? Vocês me chamam Mestre e Senhor, e com razão, pois eu o sou. Pois bem, se eu, sendo Senhor e Mestre de vocês, lavei-lhes os pés, vocês também devem lavar os pés uns dos outros. Eu lhes dei o exemplo, para que vocês façam como lhes fiz. Digo-lhes verdadeiramente que nenhum escravo é maior do que o seu senhor, como também nenhum mensageiro é maior do que aquele que o enviou. Agora que vocês sabem estas coisas, felizes serão se as praticarem.” (João 13.12-17)

Amar é igual a servir. Abrace o estilo de Jesus em servir o próximo. Felizes serão SE as PRATICAREM. Procure oportunidade de servir próximas a você. Se você é solteiro, sirva em sua casa, a seus familiares com amor. Se você é casado sirva ao seu cônjuge e filhos. Sirva como Jesus. Incondicionalmente.

Viva de modo a encorajar e elogiar a tantos quantos puder no serviço do Reino, porque Jesus se agrada. Do mesmo modo, viva de forma de que não necessite de nenhum encorajamento ou elogio, porque serve a Jesus. Esta fórmula é imbatível! Ela equilibra suas expectativas, não lhe tira do foco, e promove avanço das pessoas em direção ao Reino.

3º SOLO – O solo da COMUNIDADE

“Davi fugiu da cidade de Gate e foi para a caverna de Adulão. Quando seus irmãos e a família de seu pai souberam disso, foram até lá para encontrá-lo. Também juntaram-se a ele todos os que estavam em dificuldades, os endividados e os descontentes; e ele se tornou o líder deles. Havia cerca de quatrocentos homens com ele.” (1º Samuel 22.1-2)

O processo de Deus na vida de Davi foi criado para transformá-lo em um líder que pudesse suportar o peso das responsabilidades e o destaque que se seguiria. (Banning Liebscher – ENRAIZADO)

A vida em comunidade é surpreendente! Temos oportunidade de nos relacionar com pessoas tão diferentes, de criações, estilos de vida, condições financeiras. Jesus se relacionava com todos, ele não era solitário. Muitos elementos da nossa cultura focam na individualidade, como se fosse muito melhor estar só. Estar só por muito tempo leva ao isolamento, à tristeza, insatisfação, depressão.

Viver em comunidade promove contatos com pessoas ímpares, lhe expõe a conversas que mudam sua forma de ver a vida! Na igreja você cresce como pessoa! A comunidade traz senso de pertencimento e família!

Em comunidade vivemos o sentido do Corpo de Cristo, cada um em seu “shape” para o bem do corpo todo! Em comunidade exercemos nossos dons, somos influenciados e influenciamos. A Bíblia diz:

“E ele designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres, com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado, até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo.” (Efésios 4.11-13)

Em todas as áreas frutíferas de nossas vidas, existe o “melhor” de muitas pessoas.

Talvez você tenha esgotado o seu melhor e tenha desistido. Decida expor sua vida a alguém da sua confiança na igreja. Talvez exista algo revelador no melhor do outro que transformará sua vida! A Bíblia diz:

“Aquele que anda com os sábios será cada vez mais sábio.” (Provérbios 13.20)

Todos nós temos pontos cegos. Deus não nos deu uma visão 360 graus. Não é apenas Deus quem revela as áreas que precisamos enxergar, a comunidade nos revela. Precisamos ser humildes o bastante para ouvir o que veem em nós. Uma das principais batalhas do cristão é o desencorajamento. Você precisa buscar coragem, ela não vem até você, o melhor lugar onde isso acontece é na comunidade.

Deus instruiu Moisés a encorajar Josué: “Portanto, dê ordens a Josué, fortaleça-o e encoraje-o.” (Deuteronômio 3.28)

Mardoqueu encorajou Ester: “Quem sabe não foi para um momento como este que você chegou a posição de Rainha.” (Ester 4.12-14)

Conclusão:

“Saiba que não é você quem sustenta a raiz, mas a raiz a você.” (Romanos 11.18)

Raízes fortes precisam de solos preparados. Muitas vezes não entendemos os solos enquanto vivenciamos algumas experiências na vida. Deus permite que de cada solo possamos extrair o melhor dos nutrientes. Na intimidade com Ele, entendemos que raízes fortes levam a frutos duradouros. No serviço entendemos que a humildade precede toda honra e que Nele somos tudo o que Ele é. Na comunidade entendemos que somos amadurecidos, testados e enviados para apresentar os solos a outros. E você, está pronto para raízes fortes?

FAÇA AGORA UM CURSO A DISTÂNCIA NA ÁREA TEOLOGIA.

Acesso a um ambiente on line de aprendizagem.
Aulas com vídeos e apostilas.
Após o curso você recebe um certificado.

Mais informações acesse: http://setebras.com/cursos-a-distancia.html

FAÇA SUA MATRICULA AGORA:

Anúncios

Deixe sua mensagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s