Para reflexão: Como um sermão confere valor à alma

Como um sermão confere valor à alma

Craig Brian Larson

Eu fui à casa de uma mulher que freqüentava a igreja que eu pastoreio. Quan­do entrei no apartamento, seu marido estava dormindo na sala em uma cama móvel, e sua aparência esquelética e pele amarelada estampavam um ser consumido pelo whiskey. Quando ele acordou e nos encontramos, sua voz estava rouca e áspera por causa do fumo e amedrontadoramente alta. Havia algo detestável nos seus olhos que fizerem meu sangue gelar.

Esse era o homem exigente e abusivo que a mulher em nossa igreja tentava apaziguar dia após dia. Ela me contou histórias deprimentes sobre ele.

Eles viviam na dependência da Assistência Social e sua casa evidenciava po­breza em todos os cantos. No “jardim” sujo estava um pneu abandonado. O chão da cozinha estava inclinado de maneira abrupta e as paredes melancólicas precisa­vam de pintura. Na sala de estar, o pano dos braços das cadeiras estava completa­mente gasto, uma ou duas cadeiras inclinadas por causa de uma perna faltando, as almofadas não ajudavam a esconder o estado dos móveis. Ratoeiras estavam por toda parte. Duas lâmpadas que certamente não tinham mais de 40 watts cada uma iluminavam vagamente o lugar.

Mas a cada semana algo que a levava a um plano mais elevado e radiante acontecia na vida dessa mulher. Ela ia à igreja e ouvia um sermão. Aquele sermão não era nada mais nada menos do que uma dose condensada de dignidade que salvava e enobrecia seu espírito esgotado. Regularmente, eu via as lágrimas de gratidão enquanto ela pegava na minha mão antes de ir para casa.

Não importa qual a nossa situação, a vida diária em um mundo decaído é uma caminhada árdua marcada pela depreciação. Os que freqüentam nossas igre­jas são bombardeados diariamente por valores falsos e crenças que rebaixam a criação de Deus, por desprezos e insultos pessoais, pela acusação de Satanás. Sua mente é assaltada com imagens indecentes e profanas, as quais Deus censura pre­cisamente porque rebaixa a criação. Elas estão sujeitas a pecados que desfiguram a imagem de Deus dentro delas. Elas experimentam imagens distorcidas de si mes­mas que contradizem a verdade de Deus.

Depois de uma semana semelhante a essa, é um milagre que uma pessoa ainda assim consiga entrar na igreja com algum sentimento de valor (e a face de muitos confirma isso).

Mas então elas ouvem pregações ungidas, e o peso se inverte no momento em que as pessoas sentem o céu as atraindo. O sermão revela o caráter de Deus, que infunde toda a vida com significado e majestade. O sermão diz quem nós somos na visão de Deus: criados à imagem divina, amados indescritivelmente, destina­dos à glória. O sermão revela pecados — depois anuncia como ser redimido. O sermão honra a moralidade que exalta o gênero humano. O sermão admite que as pessoas têm capacidade de pensar e de discernir a respeito da vida e do Livro da Vida. O sermão desafia a vontade, tratando as pessoas como agentes responsáveis cujas escolhas importam eternamente. O sermão prega Cristo Emanuel, para sempre santificando a carne humana, o segundo Adão que um dia ressuscitará crentes à sua semelhança. Um sermão é a mais intensa dose de dignidade que qualquer pessoa pode receber.

Ouvir todo um sermão de qualidade é quase como subir o monte da Transfigu­ração. Antes daquele momento, Jesus assemelhava-se a qualquer outro homem. Ele parecia um homem comum, e se vestia e se arrumava como um. Mas no monte da Transfiguração, sua aparência mudou para revelar sua plena natureza divina. A glória de Deus irradiou publicamente, sua face resplandecendo como o sol e suas roupas se tornando celestialmente brancas. A cortina foi puxada para trás, revelando a realidade.

Durante um sermão, nós somos, de certo modo, transfigurados. Nossa verda­deira dignidade recebida de Deus brilha abertamente. Nada mais na vida trata um homem ou uma mulher de maneira que pressuponha tanto valor ou tantos poderes.

 

Não existe presente mais valioso que eu poderia dar àquela mulher oprimida que o meu melhor e o melhor de Deus em um sermão. E uma dose semanal de dignidade condensada.

2 thoughts on “Para reflexão: Como um sermão confere valor à alma

  1. Pr. Josias.

    Boa Noite.

    Gostaria de saber se o irmão tem um Estudo sobre como Pregar o Evangelho.

    Gostaria de ministrar em nossa Igreja.

    Estarei muito grato se for atendido pelo Irmão.

    Pr. Loucivol

    Curtir

  2. Pastor, amo o Senhor Jesus,mais em relação a minha vida em todas as áreas sou uma pessoa inconstante, ñ permaneço firme em nenhuma decisão q tomo, estou sofrendo cm isso.Como saber qual é o meu ministério pois sempre irmãos dizem q tenho um ministério mais ñ sei qual.

    Date: Sun, 2 Nov 2014 15:41:24 +0000 To: martah2j@hotmail.com

    Curtir

Deixe sua mensagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s