CRIAÇAO OU ACASO

clip_image002

Teoria do bolo de chocolate

Suponhamos que você entre em casa e encontre um delicioso bolo de chocolate sobre a mesa.

A pergunta é:

Como surgiu o bolo de chocolate?

Duas teorias podem ser propostas:

.

Teoria 1 – hipótese criacionista.

Alguém que sabe fazer bolo de chocolate foi na dispensa, pegou ovos, farinha, manteiga, açúcar, leite, fermento e chocolate, pôs em uma forma, os misturou na medida certa, levou ao forno na temperatura de 250 graus celsius, após o tempo necessário retirou o bolo do forno e o pôs propositalmente sobre a mesa.

Teoria 2 – hipótese naturalista (ou do surgimento espontâneo)

O caminhão do Supermercado estava fazendo entregas, quando foi fechado por uma criança de bicicleta. Tentando desviar da criança, o motorista girou o volante e deu uma freada brusca, o que o fez perder o controle do caminhão, que começou a capotar. 

À medida que o caminhão capotava, na carroceria as caixas de ovos se abriram, bem como os sacos de farinha, as caixas de leite, as latas de Nescau, os tabletes de manteiga, os fardos de açúcar, as latinhas de fermento em pó e o chocolate granulado. Enquanto o caminhão capotava, esses elementos iam se misturando de forma homogênea.

Dentro da carroceria do caminhão, havia também um cantil, que fora esquecido ali por um dos carregadores. Com o movimento do caminhão, o cantil partiu ao meio, e todos os elementos acima mencionados, mesclados na proporção certa, caíram dentro desse cantil.

Com o acidente, o caminhão explodiu e ao termino de 40 minutos os bombeiros chegaram, conseguiram conter o fogo e abriram a carroceria, e para surpresa deles, estava lá, por obra do acaso, um lindo bolo de chocolate!

Talvez você esteja lendo agora e pensando: Essa segunda teoria é tola demais para eu crer!  É claro que um bolo não pode surgir dessa forma.

Então eu lhe pergunto: Em qual das teorias acima é mais fácil crer? Na teoria de que o bolo foi feito por alguém ou que este bolo surgiu por acaso?

Acontece que um bolo de chocolate possui em média 12 elementos. Já uma célula possui mais de dois milhões, e nós aprendemos na teoria da evolução que a célula surgiu espontaneamente. Em que é mais fácil acreditar: Na teoria de que alguém criou uma célula que tem mais de 2.000.000 milhões de elementos ou na teoria de que uma célula surgiu por ao acaso e de forma espontânea?

Encarando as improbabilidades – o começo do fim do naturalismo científico

Partindo da premissa de que o bolo de chocolate possui 12 elementos, a probabilidade do surgimento aleatório deste bolo pode ser calculada em uma em  479.001.600 (quase quatrocentos e oitenta milhões!).

Ora, se a combinação aleatória de 12 elementos parece impossível, a fortiori, a vida com sua complexidade exige a existência de um criador.

O problema da geração espontânea de uma ameba

Por exemplo: O DNA de uma única ameba possui informação suficiente para encher mais de 1000 vezes toda a enciclopédia britânica (disse o naturalista Richard Dawkins).

– Para calcular a possibilidade do surgimento aleatório do DNA de uma ameba, sugerimos a seguinte experiência:

– “Criando” informação por “acaso”

Pegue uma enciclopédia britânica e arranque todas as páginas. Em seguida, recorte cada letra de cada página, e junte todas essas letras em um saco grande. Em um dia de calmaria, suba ao alto de um prédio e jogue todas as letras recortadas…

– Qual seria a probabilidade das letras caírem na ordem certa, de modo a formar as palavras, as frases e os artigos em ordem alfabética, em todas as páginas da enciclopédia?

Ora, em um cálculo de probabilidade, se as letras caíssem de modo a formar todas as palavras, as frases e os artigos em ordem alfabética, em todas as páginas da enciclopédia, isso seria apenas um milésimo da probabilidade do DNA de uma ameba ter aparecido por conta própria!!!!!

* Nota: A ameba possui o DNA mais simples que nós conhecemos.

Para pensar

– Que tipo de ciência é essa que não encara as impossibilidades de sua teoria?

– Que religião macabra é essa da ciência naturalista, que formula teorias absurdas para justificar o surgimento da vida sem Deus?

O surgimento espontâneo de uma única célula é tão improvável que nem vale a pena continuar falando do tema.  A existência do universo exige para sua explicação que admitamos a existência Deus.

Deixe sua mensagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s