ESTUDO EBD. TEMA: A IGREJA. DATA: 27.10.2013

Escola Bíblica dominical da Igreja do Betel Brasileiro Geisel. Site: http://www.josiasmoura.wordpress.com

A IGREJA

MATEUS 18

O que é a Igreja? – 0 corpo e soci­edade dos que acreditam que Deus tem predestinado para a vida eterna.” Esta é a resposta a respeito da igreja, con­tida no Catecismo usado por João Calvino na Igreja de Genebra. Como as pessoas têm visto a igreja? Muitos a vêem como um “hospital”, outros como uma grande “mãe”, e, ainda, outros a definem como uma “comuni­dade de pecadores arrependidos”. Muitos a confundem com o templo ou com a instituição. Nas Escrituras, o termo “igreja” tem várias aplicações, porém, todas se referem a pessoas. Então é correto afirmar que a igreja é a assembléia ou a reunião das pessoas que acreditam no Cristo como Senhor e Salvador.

Este estudo tem como objetivo le­vantar um questionamento sobre a igreja, a partir da afirmação do Credo dos apóstolos: “Creio na Igreja…” Seus atributos têm sido verificados na prá­tica hoje? Ela tem cumprido suas res­ponsabilidades de igreja de Jesus Cris­to? Qual a função da igreja no mundo de hoje? São questões e reflexões que este estudo objetiva fazer.

1. A IGREJA E SUA MISSÃO

A igreja cristã é uma sociedade singular. Nenhum outro ajuntamento de pessoas se parece ou se iguala a ela. Ela tem a missão de ser testemu­nha do Senhor Jesus Cristo (At 1.8). O anúncio das virtudes de Deus foi confiado a ela (I Pe 2.9). O teólogo WIliam Barclay, respondendo à per­gunta: “Onde está a necessidade da Igreja?”, diz que é dentro da igreja que a história de Jesus e a Fé Cristã são preservadas. Segundo ele, a igreja é o “instrumento e o agente através do qual o homem encontra Cristo. A fé cristã, a tradição cristã, o evangelho cristão são preservados dentro da igreja. É a igreja que prega o evange­lho, é a igreja que caminha com o empenho missionário e pastoral; é a igreja que, na palavra escrita e falada e na vida e conduta de seus membros, confronta o homem com Jesus Cris­to.” Toda a vida da igreja deve exalar “o bom perfume de Cristo” (II Co 2.15). O mundo, ao olhar a existência da igreja, deve perceber uma mensa­gem do Cristo. Ela é, segundo o após­tolo, “a carta de Cristo”, escrita pelo Espírito Santo no coração das pesso­as (II Co 3.3). Jesus Cristo confiou à sua igreja a tarefa de ser testemunha (At 1.8). Testemunha do grande amor de Deus ao mundo (Jo 3.16). Teste­munha de sua graça infinita. Teste­munha de suas maravilhosas virtudes (I Pe 2.1-10). Testemunha de sua justiça (Mq 6.8).

2. A IGREJA E SUAS QUALIDADES

As Escrituras falam das qualida­des da igreja. Consideremos algumas destas qualidades:

Ela é santa – O teólogo Jaci Maraschin pergunta, perplexo: “como será possível confessar a ‘santidade’ da igreja quando a vemos pecadora, injusta, falível e mancomunada com poderes políticos dominantes?” O que significa afirmar a santidade da igreja num ambiente de pecado, de vaidade e de injustiças? Significa que ela está “separada” para o serviço de Deus (I Pe 2.9,10). Sua santidade, deriva-se de sua vocação.

Ela é apostólica – Todos os cristãos são herdeiros da fé apostóli­ca. A igreja está fundamentada na doutrina dos apóstolos do Senhor Jesus Cristo. A obra de Jesus Cristo e seus apóstolos precisa continuar com a igreja cristã atual.

Ela é una – Só há uma igreja cristã. Como afirmar isto num mun­do com inúmeras igrejas diferentes? Nosso Senhor Jesus Cristo orou pela unidade da igreja (Jo 17.20-24). O apóstolo Paulo advertiu algumas co­munidades para que não pecassem contra a unidade da igreja do Senhor (Ef 4.1-16; I Co 1.10-17; Fp 2.1-4). A igreja do Senhor Jesus é indivisível.

Estas qualidades da igreja de Cris­to estão presentes na vida de sua co­munidade local? Temos a consciên­cia da nossa santidade para o serviço de Deus no mundo? Temos a visão da universalidade da igreja de Deus? Continuamos no mesmo espírito apostólico? Buscamos a unidade da igreja de Cristo? São perguntas que, se refletidas e analisadas, ajudarão a alcançar o objetivo deste estudo.

3. A IGREJA E AS E SUAS MARCAS

O teólogo João Dias de Araújo, em seu livro Sê Cristão Hoje, comenta que os Reformadores costumavam dar três marcas à comunidade cristã. Eram elas: a celebração dos Sacra­mentos (Ceia e Batismo); a pregação da Palavra de Deus e a aplicação cor­reta da disciplina. Contudo, João Dias acrescenta outras distinções da vida da igreja cristã, as quais destacamos nesta reflexão:

A presença do Espírito Santo – Não existe igreja sem a presença do Espírito Santo. Basicamente, a igreja tomou consciência de que era igreja, com a descida do Espírito Santo (At 2.1-13). Ele se manifesta na vida da igreja, visando um fim proveitoso (I Co 12.7). É Ele que, com sua presen­ça doadora, distribui dons e talentos à igreja com o objetivo de aperfeiçoá- la para o serviço (I Co 12.8-11; Ef 4.11). A presença do Espírito Santo na vida da igreja tem sido deturpada, muitas vezes, por pessoas que ten­tam manipular a operação deste Es­pírito. Muitas comunidades se perde­ram completamente por causa deste desvirtuamento quanto à presença do Espírito Divino.

O amor – Não existe igreja sem o amor. O amor dá autenticidade à exis­tência da igreja (Jo 13.34,35). Ele é o “caminho sobremodo excelente” que precisa ser marca da igreja em qual­quer lugar e em qualquer época (I Co 13). Em muitas comunidades, esta marca tem sido esquecida. Além de orar, cantar e promover reuniões, é preciso, como igreja, amar cada vez mais. O amor é a principal marca da vida da igreja, pois ele é fruto do amor do Deus que a estabeleceu.

O serviço – A igreja é comuni­dade chamada para servir a Deus no mundo. Ela é serva e não senhora. Nosso Senhor Jesus Cristo, cabeça da igreja, deu-nos o exemplo para o serviço (Mc 10.35-45; Jo 13.1-20).

Com essas marcas, a igreja, com certeza, será sempre a presença do Reino de Deus no mundo.

DISCUSSÃO

1. A igreja é una. Como entender esta afirmação em face às muitas de­nominações existentes em nosso país?

2. O ecumenismo é uma tentativa válida para aperfeiçoar a unidade da igreja ou uma estratégia de engano?

Deixe sua mensagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s